Análise feita pela Planisa mostra custo-benefício do investimento na imunização

Estudo realizado pela Planisa (empresa especialista em gestão de custos na área de saúde), de março a dezembro de 2020 e que alcançou 18.610 pacientes internados por Covid-19, constatou que o custo com essas hospitalizações chegou a cerca de R$ 465,3 milhões. O valor seria suficiente para comprar, aproximadamente, 15,5 milhões de doses de vacina contra o vírus, a um valor médio de R$ 30 cada dose, cálculo medido com base nas vacinas em aplicação no Brasil.

O levantamento foi feito em nove hospitais das regiões Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste. Na análise, demonstrou-se que o valor de uma internação de paciente da Covid-19 ficou em torno de R$ 25.006,21, com uma permanência hospitalar média de 8,5 dias.

Em um exemplo ainda mais abrangente, levando em conta todos os pacientes internados no mesmo período — aproximadamente 579.026 (segundo boletim epidemiológico Covid -19, nº43_final, do Ministério da Saúde), o custo total com internações alcança cerca de R$ 14,5 bilhões, valor suficiente para comprar vacinas e imunizar 241,5 milhões de pessoas com duas doses. Ou seja, toda a população brasileira, com folga.“Claro que a vacina só chegou há poucos meses, mas fica claro que o seu benefício, tanto no aspecto da saúde como no da economia, é de extrema importância. A imunização é extremamente mais barata do que qualquer tratamento e poderia nos trazer rapidamente a uma retomada econômica”, ressalta o diretor da Planisa, Eduardo Agostini.